Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

LIVRO I - Parte geral

TÍTULO II Contrato de trabalho

CAPÍTULO I - Disposições gerais

SECÇÃO IX Modalidades de contrato de trabalho

SUBSECÇÃO I Contrato a termo resolutivo

Artigo 148.º - Duração de contrato de trabalho a termo

Índice: Código do Trabalho (Online) em vigor desde 2009

1 — O contrato de trabalho a termo certo pode ser renovado até três vezes e a sua duração não pode exceder:

a) 18 meses, quando se tratar de pessoa à procura de primeiro emprego;

b) Dois anos, nos demais casos previstos no n.º 4 do artigo 140.º;

c) Três anos, nos restantes casos.

2 — O contrato de trabalho a termo certo só pode ser celebrado por prazo inferior a seis meses em situação prevista em qualquer das alíneas a) a g) do n.º 2 do artigo 140.º, não podendo a duração ser inferior à prevista para a tarefa ou serviço a realizar.

3 — Em caso de violação do disposto na primeira parte do número anterior, o contrato considera-se celebrado pelo prazo de seis meses desde que corresponda à satisfação de necessidades temporárias da empresa.

4 — A duração do contrato de trabalho a termo incerto não pode ser superior a seis anos.

5 — É incluída no cômputo do limite referido na alínea

c) do n.º 1 a duração de contratos de trabalho a termo ou de trabalho temporário cuja execução se concretiza no mesmo posto de trabalho, bem como de contrato de prestação de serviço para o mesmo objecto, entre o trabalhador e o mesmo empregador ou sociedades que com este se encontrem em relação de domínio ou de grupo ou mantenham estruturas organizativas comuns.

Consulte

Histórico de alterações: Artigo 148.º - Duração de contrato de trabalho a termo

Índice: Código do Trabalho (Online) em vigor desde 2009

Humberto Alves
Contratos a termo
Boa tarde. A minha esposa começou a trabalhar numa empresa com contrato a termo certo desde Julho de 2018, sendo que entretanto já assinou novamente por 4 vezes, mudando apenas o horário e o tempo de duração.
Este ano assinou dia 02 de Janeiro por 1 mês e em Fevereiro irá assinar outro.
Até que ponto é legal e qual o máximo de contratos a efectuar até ficar efectiva.
Obrigado pela disponibilidade

Luis Paulos
contrato de trabalho a termo certo
Boa tarde, muito agradeço a vossa ajuda para com o seguinte:
assinei um contrato de trabalho com duração de 1 ano, com uma empresa, em 1/12/2015, neste momento farei 3 anos a contrato em 1/12/2018. A empresa indica que continuo a contrato não passando assim a efectivo ao fim de 3 contratos de 1 ano cada.
isto é verdade? pelo que percebo, a lei do contrato colectivo de trabalho diz que so posso estar a contrato 3 anos, correto?

obrigado pela atenção dispensada,

Luis Paulos

Paulo Sergio Oliveira Andrade
informaçao
Olá estou a trabalhar numa empresa com um contrato de 3 meses o qual está a chegar ao fim como já arranjei novo emprego,gostaria de saber se tenho de avisar a entidade patronal? De que forma e com quanto tempo de antecedência? Obrigado

4000 Caracteres remanescentes


Notas

Tabelas de IRS 2019 - Retenção na fonte (XLS, PDF, ODS e online)

As tabelas de retenção na fonte em sede de IRS para 2019 foram disponibilizadas pela Autoridade Tributária a 18 de janeiro de 2019 e aplicam-se ao pagamento dos salários a partir de janeiro de...

Destaques Agenda

 

Comentários Recentes

Fernando Ferraz Gomes
1 day 2 hours

Boa tarde Gostaria que me ajuda-se neste assunto, rescindi por minha iniciativa o meu contrato de trabalho a termo certo ante ...

Carolina Silva
1 day 7 hours

Bom Dia, Se eu rescindir contrato com aviso prévio e durante esse período apresentar baixa a baixa conta para o aviso pr ...

Mafalda Rosado
2 days 21 hours

Olá Chamou me Mafalda Rosado Trabalho num lar de idosos comecei a trabalhar no dia 1 de abril de 2015 , e recebi uma prospo ...

Fernanda Rocha
2 days 23 hours

boa noite: Fiquei desempregada estava eu de 22 semanas de gestação, agora tenho uma bebe de 6 meses e meio e encontro me in ...

Tânia Pereira Lourenço
3 days 1 hour

Aconselho rescisão de contrato por parte do trabalhador, alegando justa causa.