Subsídio de Natal e de férias - Orçamento do Estado 2018

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

A proposta de orçamento do estado para 2018 traz algumas alterações em matéria de subsídio de Natal e de férias em 2018.

Trabalhadores do setor público (Estado)

  • O subsídio de Natal será pago na íntegra em Novembro, acabando definitivamente com o regime de pagamento em duodécimos.
  • O subsídio de férias será pago na íntegra num único mês.

Trabalhadores do setor privado

  • Ambos o subsídio de Natal e o subsídio de férias poderão continuar a ser pagos em regime de duodécimos de 50% do valor total mas, ATENÇÃO, os trabalhadores devem informar o empregador por escrito, nos primeiros cinco dias do ano (a partir da data de entrada em vigor do Orçamento do Estado), sobre o regime de pagamento que preferem para o pagamento do subsídio de Natal e do subsídio de férias: com ou sem duodécimos de 50% dos respetivos valores totais. Se o trabalhador não fizer esta comunicação receberá 50% dos subsídios em duodécimos.

moedas

4000 Caracteres remanescentes


Código do Trabalho

Código do Trabalho

O código do trabalho apresentado nesta página (Lei n.º 7/2009) e artigos anexos está em vigor desde Fevereiro de 2009 e foi atualizado com as alterações introduzidas . Para consultar o...

Comentários Recentes

Anónimo
17 horas 58 minutos

Boa tarde, O que posso fazer para deixar de ser incomodada por um grupo de trabalhadores, que me abordam constantemente com ...

Clara Freitas
1 dia 18 horas

Tive acidente de trabalho a 17-11-2021. IPP de 12,5%.Falam da idade como fator a ter em conta na indeminização. Na formula ...

Beatriz Madeira
1 dia 19 horas

Não estamos certos de perceber a sua questão, pelo que pedimos desculpa. Um trabalhador com uma ITP não tem de pagar nada ...