Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

É cada vez mais fácil abrir uma empresa em Portugal: com a Empresa na Hora, consegue-se criar uma sociedade unipessoal por quotas, uma sociedade por quotas ou uma sociedade anónima em pouco menos de uma hora.

Abrir uma empresa tem custos para além dos relacionados com o desenvolvimento de um produto ou serviço inovador, ou com valor acrescentado no mercado, sendo necessário perceber, por exemplo, se há viabilidade para a constituição da mesma ou como se comporta a concorrência.

O que precisa para criar uma empresa?

Sendo uma formalidade necessária, é essencial recorrer a contabilistas e/ou a Técnicos Oficiais de Contas (TOCs) para ajudar na criação da empresa, sendo que muitas das dúvidas que surgem ao longo do processo podem ser esclarecidas por estes profissionais competentes.

Existem alguns documentos de entrega obrigatória nos balcões da Empresa na Hora, dependendo da forma jurídica da empresa: pessoa singular ou pessoa colectiva (pode consultar quais os documentos aqui), sendo também preciso disponibilizar os dados de um/uma TOC: nome, número de inscrição na respectiva Ordem, NIF e domicílio profissional.

Para além de decidir a forma jurídica da empresa, há que decidir sobre a denominação social, o nome da empresa. Para tal, existem denominações já aprovadas (o que agiliza o processo), ou podem ser criadas novas (que devem ser aprovadas pelo Registo Nacional de Pessoas Colectivas). Se esta última for a opção, há que criar, com o contabilista, um Certificado de Admissibilidade.

O que inclui um serviço de contabilidade?

A pessoa contratada para realizar os serviços de contabilidade da empresa poderá tratar do registo e constituição da empresa (incluindo finanças, segurança social e conservatória), bem como apoiar o licenciamento do seu negócio e/ou acompanhar clientes no momento da criação da mesma.

Será necessário decidir qual o modelo fiscal para a empresa e escolher o regime de contabilidade aplicável, ou mais favorável. Todas as empresas constituídas por sociedade ou que tenham um volume de negócios superior a 200.000€ têm que ter um regime de contabilidade organizada. Se não for o caso, o regime é simplificado. Um serviço profissional de contabilidade poderá ajudar a escolher a melhor opção, de acordo com as perspetivas e modelos da empresa.

O financiamento do negócio é outro ponto fundamental, para além de pedidos de empréstimos bancários, há muitas outras opções para obter financiamento, tais como subsídios do IEFP e da União Europeia, incentivos para o turismo (caso seja neste setor) ou até municipais.

Em relação à fiscalidade, um contabilista trata de IRS, IRC, IVA, IES, segurança social, processamento de remunerações e relatório único, podendo estender os seus serviços a elaboração e apresentação de balanços e contas da empresa, análise e proposta de melhorias, ajuda nas decisões estratégicas e orientação em termos financeiros, prevenindo e evitando erros e aconselhando da melhor forma.

Como escolher o/a melhor contabilista para a nova empresa?

Referências: não escolha um serviço de contabilidade apenas com base numa proposta recebida por e-mail ou por escrito, peça recomendações a outros empresários e referências aos prestadores de serviço.

Relação e empatia: a confiança e a empatia são fundamentais para uma relação profissional longa e duradoura.

Experiência no setor: profissionais que tenham clientes do mesmo setor de atividade e/ou que trabalhem com empresas da mesma dimensão têm uma experiência que torna mais provável a identificação de potenciais problemas, formas de evitá-los ou de resolvê-los mais eficazmente.

Preço: contabilistas com melhor reputação, empresas maiores ou um acompanhamento mais personalizado são fatores que podem fazer aumentar o custo do serviço. Verifique quais as necessidades da sua empresa e procure não pagar por serviços que não necessita. Lembre-se que o barato pode sair caro, podendo ser preferível investir inicialmente num bom serviço de contabilidade.

Qual o preço dos serviços?

A plataforma Zaask poderá ajudá-lo/a a perceber melhor qual o preço dos serviços de contabilidade para constituir e/ou manter uma empresa.

Um serviço de contabilidade para uma pequena empresa que compreende, por exemplo, resolução de assuntos de fiscalidade (IRS, IRC, IVA, IES), de segurança social, processamento de remunerações e relatório único, pode custar entre 70 a 150 euros por mês (+ IVA).

Dependendo dos profissionais, este preço pode incluir ainda o apoio na abertura da empresa e respetivas recomendações para projetos de financiamento. Muitas vezes também se inclui o envio dos ficheiros SAFT e acompanhamento da situação e das contas da empresa através de balanços e consequente aconselhamento estratégico.

4000 Caracteres remanescentes


O código do trabalho apresentado nesta página (Lei n.º 7/2009) e artigos anexos está em vigor desde Fevereiro de 2009 e foi atualizado com as alterações introduzidas . Para consultar o...

Comentários Recentes

Anónimo
16 horas 37 minutos

A minha mãe vive sozinha e precisava de encontrar um lar seguro e com boas condições na zona do grande porto

Augusto César
17 horas 20 minutos

Bom dia Para requerer o atestado multi usos, há limite de idade? Deram-me a informação que tinha que ser até aos 55 anos ...

Renato
6 dias 2 horas

Boa noite Faz mais de 1 mes que sai da empresa onde estava . Tinha um contrato de 6 meses, mas sai no qinto mes. Fiz o avi ...

silvia
6 dias 11 horas

Possuo um certificado de incapacidade de 66% que não existia no momento da contratação do empréstimo. Dirigi-me ao banco ...

ANA
10 dias 3 horas

Boa noite, entrei ao serviço, no dia 01/03/2019 (contrato sem termo). sei que este ano tenho direito ao gozo de 20 dias ...