Profissões em vias de extinção

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

A tecnologia e as máquinas têm vindo a substituir gradualmente a força humana, podendo, num futuro bem próximo, vir a pôr em risco algumas profissões. Um estudo da Universidade de Oxford admite que, em 2033, a automatização estará tão presente que poderá ser responsável por executar 47% das tarefas relativas ao total de profissões existentes. Assim, para planear uma carreira que vá além da próxima década, considere que há profissões que podem estar em vias de extinção.

Profissões em vias de extinção

1. "Caixa" bancário

A ida ao banco tem tendência a diminuir, sendo gradualmente subtituída por visitas "virtuais", através de meios eletrónicos. Os serviços bancários online estão para ficar e, a não ser que seja necessário fazer transacções complexas ou outro tipo de serviço financeiro, uma caixa multibanco ou um computador com acesso à Internet são suficientes para responder às necessidades da generalidade dos clientes bancários. Hoje, cerca de 85% das operações bancárias da rede comercial, podem ser feitas nas caixas multibanco.

2. "Caixa" de supermercado

Empregado de caixa de supermercado é um exemplo muito claro de uma profissão que pode ser executada, na totalidade, por uma máquina. As máquinas automáticas de registo e pagamento de compras estão presentes na maioria das cadeias de supermercados em Portugal, sendo que o seu número tem vindo a aumentar. Estima-se que existam hoje, 2014, mais do que o quádruplo de caixas de pagamento automático em supermercados do que em 2008, em todo o mundo.

3. Recepcionista de empresa

As empresas e os centros de escritórios podem optar por não contratar uma pessoa que desempenha funções de rececionista, graças a softwares que atendem os telefones, reencaminham chamadas, anotam recados ou agendam reuniões. Estes softwares desempenham virtualmente o papel de recepcionista e já existem mesmo autómatos a executarem as funções inerentes a esta profissão, no Japão.

4. Carteiro

Os trabalhadores que fazem a distribuição da correspondência pelas caixas de correio, os carteiros, poderão deixar de existir dentro de poucos anos. O correio electrónico e todos os suportes de comunicação digitais/eletrónicos permitem a redução da correspondência (em papel) em circulação. O aumento da utilização destas vias e meios de comunicação/correspondência podem fazer extinguir a profissão de carteiro.

5. Agente de viagens

As agências de viagens deixaram de ter acesso exclusivo às informações que permitem efetuar uma reserva de uma qualquer viagem num qualquer meio de transporte. Actualmente, qualquer utilizador da Internet pode consultar as opções disponíveis e um variado leque de informações online, nas páginas das companhias aéreas, por exemplo, ou de outro tipo de transporte. Existem, inclusive, sites que permitem comparar os preços de todas as opções disponíveis e fazer a sua reserva online.

6. Dactilógrafo

A profissão de dactilógrafo está em desuso, uma vez que a maior parte dos profissionais, mesmo os de chefia, utiliza pessoalmente o computador ou recorre a softwares de reconhecimento de voz que permitem gravar o que precisa de ser passado a escrito.

7. Jornalista

A tecnologia e o aumento da utilização dos meios online - sites, blogs e agregadores - fazem reduzir o número de compradores de jornais/revistas. A tiragem em papel dos jornais/revistas tem vindo a diminuir, o que faz reduzir, consequentemente, o investimento em publicidade. Paralelamente a este facto, já existem softwares que criam notícias - se lhes podemos chamar isso - que "substituem quase na perfeição" um jornalista humano. Mas estarão, efetivamente, os jornalistas em perigo de extinção?

8. Operador de bases de dados

O operador de bases de dados pode, com relativa facilidade, ser substituido por softwares que pesquisam informação na Internet e/ou que elaboram as bases de dados, uma vez que a quantidade de informação que circula na internet torna possível recolher informação de forma bastante simples.

9. Operador de telemarketing

Os trabalhadores designados por "telemarketers" que, por definição, são profissionais que telefonam a publicitar e a tentar vender produtos estão a ser gradualmente substituídos por autómatos inteligentes que irão continuar a ligar e a tentar vender produtos.

10. Operador telefónico

Os operadores telefónicos são pessoas que, por definição, atendem telefones e reencaminham chamadas em grandes empresas, ou prestam apoio a clientes através de callcenters. A automatização e os serviços em regime de "outsourcing" estão gradualmente a substituir estes profissionais.

MARIA
Ponto de teatro
E o ponto? Conheço uma.
Ela aponta no teatro há mais de quarenta anos. Mas será, provavelmente, o último ponto.

4000 Caracteres remanescentes


Segurança Social

Segurança Social: Datas de pagamento dos subsídios sociais e pensões em janeiro de 2021

A Segurança Social publicou as datas para o pagamento dos subsídios sociais e familiares e pensões para janeiro. Segurança Social: Datas de pagamento dos subsídios sociais e pensões em...

Comentários Recentes

Natalia
2 dias 20 horas

Oi pessoal, estou muito preocupada com a minha menstruação, eu e meu namorado temos amassos quentes e ele acaba ejaculando. ...

CARLOS MARCELO
5 dias 19 horas

Boa tarde o meu contrato acaba final do mes janeiro de 2021 jka recebi a carta da entidade patronal em que vai despedir me po ...

carlos marcelo
5 dias 19 horas

bom dia gostaria de saber se a entidade patronal pode despedir me no final do contrato em final mes janeiro de 2021, uma vez ...

MARIA
23 dias 4 horas

E o ponto? Conheço uma. Ela aponta no teatro há mais de quarenta anos. Mas será, provavelmente, o último ponto.

Tânia
1 mês 3 dias

Eu preciso de ajuda, tenho 19 anos comecei ontem (1 dia da menstruação a tomar a pílula) hoje dia 2 saiu muito sangue, sai ...