Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

A 9 de Dezembro de 2010 vai ser debatida na Assembleia de República uma proposta sobre a adopção de Normas Abertas (Open Standards) nos sistemas de informação do Estado.

É da maior importância a adopção de Normas Abertas em Portugal, à semelhança do que já acontece em países como a Espanha, Bélgica, Holanda, Dinamarca, Suécia, Noruega, Hungria,Alemanha e França.

A adopção de normas abertas permite:

  • melhor interoperabilidade entre produtos;
  • reforço das condições de concorrência;
  • ajuste dos preços ao real valor das soluções.

As Normas Abertas resolvem o problema dos verdadeiros “contratos de exclusividade” na utilização de formatos e protocolos que impedem a livre escolha de fornecedores, e que todos os anos oneram o país em dezenas de milhões de Euros. As Normas Abertas dão aos cidadãos liberdade de escolha na sua relação digital com o Estado.

A continuidade da actual situação eterniza os casos de “fornecedor único garantido” e os gastos insustentavelmente elevados em licenças de software (ver http://www.esop.pt/estado-gasta-160-milhoes-de-euros-por-ano-em-software). A adopção de Normas Abertas serve o interesse comum.

Fonte:Esop (pdfpr_normas_abertas_ar.pdf)

4000 Caracteres remanescentes


Username e Password

Criar uma Senha Segura

Clique no botão "Criar Senha Segura" para lhe apresentarmos uma senha forte que pode usar nas suas contas para permanecerem seguras.

Comentários Recentes

ana duarte
11 dias

tenho 39 anos e uma incapacidade de 85% e mais a nivel dos menbros inferiores mais a esquerda ,mas os membros superiores tamb ...

Manuel Augusto Ferreira Nóbrega
12 dias 2 horas

Fui submetido a junta médica e foi-me atribuído uma incapacidade de 43%., no entanto parece que me vai ser diagnosticada ou ...

Miguel
13 dias 15 horas

Iae engravidou?