Votos do utilizador: 4 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela inativa
 

LIVRO I - Parte geral

TÍTULO II Contrato de trabalho

CAPÍTULO I - Disposições gerais

SECÇÃO II Sujeitos

SUBSECÇÃO IV Parentalidade

Artigo 46.º - Dispensa para consulta pré-natal

1 — A trabalhadora grávida tem direito a dispensa do trabalho para consultas pré -natais, pelo tempo e número de vezes necessários.

2 — A trabalhadora deve, sempre que possível, comparecer a consulta pré -natal fora do horário de trabalho.

3 — Sempre que a consulta pré -natal só seja possível durante o horário de trabalho, o empregador pode exigir à trabalhadora a apresentação de prova desta circunstância e da realização da consulta ou declaração dos mesmos factos.

4 — Para efeito dos números anteriores, a preparação para o parto é equiparada a consulta pré-natal.

5 — O pai tem direito a três dispensas do trabalho para acompanhar a trabalhadora às consultas pré-natais.

6 — Constitui contra -ordenação grave a violação do disposto neste artigo.

Consulte

Histórico de alterações: Artigo 46.º - Dispensa para consulta pré-natal

Índice do Código do Trabalho (Online) em vigor desde 2009 (Actualizado em 2012)

Daniel Ferreira
acompanhamente prenatal
Considera-se acompanhamento prenatal o marido acompanhar a esposa grávida á sua primeira ecografia para descobrir o sexo da criança e se está saudavel?
Ricardo Miguel Magalhães da silva
Acompanhamento prenatal
Bom dia . O pai tem direito a 3 faltas pra acompanhar a grávida. Essas falta são pagas pelo patrão ou não? Na net tem coisas a dizer que sim outras não aplica bem outras só diz k tem direito mas não fala em ser ou não pagas ...
Cumps é obrigado

Ana Isabel Neves Henriques
Os direito
Quero saber se meu marido tem direito para ir comigo as consultas prenatal pour eu nao ter carta de conducao se tem direito se patrao tem de paga os dias que falta ao trabalho
:confused::wink:

Andrea Duarte
consultas médicas
Boa noite, uma dúvida... com quanto tempo tenho que informar a minha entidade patronal sobre uma consulta médica? Em termos de lei ou regulamento, quantas horas tenho direito para ir ao médico (caso exista)?Caso exista esse regulamento ou lei, qual é? Agradeço atentamente Andrea
Beatriz Madeira
A comunicação de ausência, quando esta está prevista com antecedência, deverá ser feita com um mínimo de 5 dias face à data da ausência. Quando a ausência não está prevista/marcada, a comunicação faz-se assim que seja possível. Fica a sugestão que não deixe passar 10 dias seguidos para comunicar uma ausência, sob pena de poder vir a ser acusada de abandono do posto de trabalho.

Quanto ao número de horas "para ir ao médico", não existe uma definição legal para esta duração, uma vez que ela é imprevisível.

vera
consulta pre natal
Boa tarde,

Tenho a seguinte dúvida que gostava de ver esclarecida.
Tive uma consulta pré natal no meu horário de trabalho, pedi justificado como *consulta pré natal* como me foi pedido pela minha entidade patronal.
A minha duvida é a seguinte:
- as consultas pré natal apenas justificam a hora em que se teve consulta ou o resto do dia?
A minha entidade patronal pede para compensar o resto do dia e quero saber se é válido ou não.
Obrigada

Vera

4000 Caracteres remanescentes


Comentários Recentes

Hugo Ferreira
1 day 21 hours

Foi pai dia 25/7/2018 tirei 15 dias de licença obrigatoria seguidos, mas no meu recibo de vencimento de julho descontaram-me ...

Filipe Manuel
2 days 19 hours

boa noite, gostaria de saber uma coisa. comecei a trabalhar a 11 de fevereiro deste ano e terminei (nao quis a renovação), ...

Vasile Popovici
3 days 4 hours

Eu acabei de receber uma carta, com o numero do processo. So que eu nao precebo porque eu tenho que pagar este valor.

Gabriela Guerreiro
3 days 8 hours

Gostaria de saber se há algum impedimento legal de realizar horas extraordinárias enquanto estiver com redução de horár ...

Valeria Marco
5 days 6 hours

Meu nome é Valeria Marco, 6 meses atrás, meu colapso de negócios, eu não tinha esperança de obter o meu negócio novamen ...