Agricultura VS ambiente - A criação de gado

Votos de utilizador:  / 2
FracoBom 

A agricultura é responsável por 14% dos gases que produzem o efeito de estufa global e por 18% do aquecimento global, uma contribuição maior que a do setor de transportes.

Pela primeira vez na história do planeta, a criação artificial de peixes a nível mundial ultrapassou a produção de carne bovina. Por um lado, a criação de ambientes controlados propícios à reprodução de animais aquáticos aumentou acentuadamente, sendo que a pesca no mar está a chegar aos seus limites. Ao retirar-se anualmente do mar 90 milhões de toneladas de peixes selvagens, está a ultrapassar-se em larga escala aquilo que os oceanos e os mares do mundo poderiam oferecer de forma sustentada. Por outro lado, a carne bovina sofre de "falta de espaço": falta espaço para criar gado e falta, sobretudo, espaço para fazer crescer aquilo de que se alimentam os animais.

vacasNo entanto, a agricultura é responsável por cerca de 14% dos gases que produzem o efeito de estufa global. Cerca de 1,5 mil milhões de cabeças de gado bovino e outros tantos milhares de milhões de animais de pasto existentes no mundo emitem gases poluentes, incluindo o metano - com um contribuito para o aquecimento global 23 vezes mais poderoso que o dióxido de carbono - e o amoníaco. A Organização da Agricultura e Alimentos dos EUA informa que a produção de metano na agricultura pode aumentar em 60% por volta de 2030. E, de acordo com o relatório “A grande sombra da pecuária” (Livestock’s Long Shadow), feito pela Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação, o gado é responsável por cerca de 18% do aquecimento global, uma contribuição maior que a do setor de transportes.


Smileys

:confused: :cool: :cry: :laugh: :lol: :normal: :blush: :rolleyes: :sad: :shocked: :sick: :sleeping: :smile: :surprised: :tongue: :unsure: :whistle: :wink: 

Para garantir uma resposta às suas perguntas, utilize preferencialmente o nosso fórum.
Faça login para ver mais rapidamente que o seu comentário foi publicado.
Para sua segurança, não permitimos a inclusão de dados de contacto pessoais nos comentários como endereços de correio eletrónico ou números de telefone. Para contactar outros utilizadores do site, registe-se e estabeleça uma ligação para poderem trocar mensagens.

  4000 caracteres disponíveis

Antispam Actualizar imagem Não é sensível a maiúsculas