Glossário da Sexualidade

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Índice do artigo

P

Paixão: Sentimento intenso e efémero, atração amorosa e sexual que surge nas fases iniciais das relações afetivas e que se caracteriza pela concentração do desejo e da atração sexual na pessoa que é alvo dessa paixão. A paixão pode ser expressa pelo desejo de união com a pessoa amada, por uma vontade de estar permanentemente com ela, sendo normal expressar-se através do desejo de envolvimento sexual.

Papéis sexuais: Também conhecidos por "papéis de género", designam as funções que socialmente são atribuídas a mulheres e homens, sendo que em cada sociedade existem tarefas e responsabilidades que são atribuídas aos indivíduos de acordo com o seu sexo. Os papéis sexuais estão grandemente associados às conceções de feminino e masculino que existem em cada grupo social/humano e são transmitidos às crianças pela família, em primeiro lugar e pela sociedade em geral.

Parafilia: Termo utilizado sobretudo pela Psiquiatria e pela Sexologia, substituiu o termo perversão e designa um comportamento sexual considerado "anormal", desviante ou inapropriado.

Parto: Ato ou efeito de parir, de dar à luz. Diz-se do conjunto de fenómenos fisiológicos que resultam na saída do feto do corpo materno. Nascimento de uma criança pela sua saída do útero materno que pode acontecer através do canal vaginal (parto normal) ou de uma incisão no abdómen da mulher (parto por cesariana). O parto pode acontecer entre as 37 (pré-termo ou prematuro) e as 42 (pós-termo) semanas após a fecundação.

Pedofilia: Atração e desejo sexual de adultos por crianças e pré-adolescentes.

Penetração: Ato ou efeito de penetrar. Em contexto sexual, utiliza-se o termo quando há entrada do pénis na vagina ou no ânus, sendo considerado sinónimo de coito.

Pénis: É o principal órgão sexual masculino e situa-se na frente da parte inferior do tronco.É constituído por um corpo cilíndrico na extremidade do qual se encontra uma zona mais larga e sensível à qual se dá o nome de glande, coberta por uma pela designada prepúcio. Na ponta da glande situa-se o meato urinário, abertura pela qual saem a urina e o esperma.

Pequenos lábios: Par de pregas de pele que circundam a vulva feminina, que compreende o clítoris, a saída da uretra e a entrada (intróito) da vagina e que estão rodeadas por outro par de pregas maiores a que se chamam grandes lábios.

Períneo: Zona que, nas mulheres, fica localizada entre as coxas, o ânus e a vulva e, nos homens, entre as coxas, o ânus e o escroto.

Período fértil: Fase do ciclo menstrual da mulher em que existe maior probabilidade de engravidar, de haver uma fecundação, e que inclui os dias que antecedem e que sucedem a ovulação, assim como o próprio dia da ovulação. Isto deve-se ao tempo de vida dos espermatozóides e dos óvulos no aparelho reprodutor feminino porque os espermatozóides podem sobreviver dentro da vagina durante cerca de 3 dias e entrar em contacto com um óvulo que foi libertado e que se encontra maduro, pronto a ser fecundado. A ovulação ocorre 14 dias antes da menstruação, não sendo possível determinar com a mesma precisão o tempo que decorre entre a menstruação e a ovulação seguinte. Para evitar uma gravidez não desejada deve utilizar-se um método contracetivo.

Período refratário:

 


4000 Caracteres remanescentes


Please publish modules in offcanvas position.