Formação

O que faz um Coordenador de Formação

Votos de utilizador:  / 3

Um Coordenador de Formação tem como objectivo preparar e assegurar a execução de uma ou várias acções de formação, integradas ou não num Plano de Formação. Ele planeia, organiza, acompanha,  programa, controla e avalia as actividades que integram cada acção de formação.

O que faz um Gestor de Formação

Votos de utilizador:  / 4

O Gestor de Formação tem por função principal a definição da política de formação, seja numa organização ou  numa entidade de formação. Ele é responsável pela gestão dos recursos afectos à formação, bem como pela elaboração, execução, acompanhamento, controlo e avaliação do plano operacional da área.

O que faz um Responsável de Formação

Votos de utilizador:  / 3

O Responsável de Formação é a pessoa que, numa entidade de formação, desempenha funções de organização e planificação das actividades de formação que se desenvolvem interna ou externamente, supervisionando todos os processos e gerindo os projectos desenvolvidos.

O que faz um Director Pedagógico

Votos de utilizador:  / 39

O objectivo principal da função de Director Pedagógico é acompanhar o processo de ensino e aprendizagem decorrente duma actividade de formação. Esta função pode existir numa entidade que tenha um Departamento de Formação activo e que faça um acompanhamento e avaliação da formação que os seus colaboradores frequentam. Ou pode existir numa entidade formadora acreditada pelo Sistema de Acreditação de Entidades Formadoras da DGERT.

Conteúdo Programático - Exemplo 2

Votos de utilizador:  / 2
O conteúdo programático é também conhecido por Referencial de Formação. Este deve conter um conjunto de informações de que damos exemplo. Este modelo pode ser utilizado como ficha de curso a colocar no Plano de Formação.

Planeamento de Diagnóstico de Necessidades de Formação - Fase 1

Votos de utilizador:  / 6
O objectivo desta fase do trabalho é identificar os passos para efectuar um Diagnóstico de Necessidades de Formação numa organização, com que instrumentos, com o envolvimento de quem e com que resultados (saídas). Damos um exemplo.

Planeamento de Diagnóstico de Necessidades de Formação - Fase 2

Votos de utilizador:  / 2
O objectivo desta fase de trabalho é, uma vez identificados os problemas resolúveis pela formação, dar-lhes uma ordem de prioridade para que, uma vez em Plano de Formação, se possa implementar de acordo com esta ordem. Apresenta-se um exemplo de como organizar os problemas por ordem decrescente de prioridade, o tipo/área de formação que poderia constituir parte da solução e os públicos a que a mesma se destina.

PIP: Proposta de Intervenção Pedagógica

Votos de utilizador:  / 34

Este trabalho é normalmente feito no âmbito da Formação Pedagógica Inicial de Formadores. No final é pedido aos formandos que preparem uma Proposta ou Plano de Intervenção Pedagógica. Dependendo das entidades formadoras, assim poderá ser o conteúdo solicitado. O que se apresenta em baixo é apenas um modelo.

ENCOMENDAR

Conteúdo Programático - Exemplo 1

Votos de utilizador:  / 11
O conteúdo programático é também conhecido por Referencial de Formação. Este deve conter um conjunto de informações de que damos exemplo.

Plano de Sessão de Formação

Votos de utilizador:  / 40

Se precisas de fazer um Plano de Sessão para apresentar a uma empresa, seja prestadora de serviços de formação, seja cliente final, ou durante uma acção de Formação Pedagógica Inicial de Formadores, podes utilizar este formulário como modelo. Este documento pode ser adaptado a qualquer área de intervenção formativa.