Apoios sociais ao arrendamento

Votos de utilizador:  / 167
FracoBom 

Lisboa - Subsídio Municipal Arrendamento

O Subsídio Municipal ao Arrendamento (SMA) de Lisboa é um Programa Municipal de Apoio ao Arrendamento que visa abranger os agregados familiares que se encontrem em situação de carência habitacional efetiva ou iminente, face à incapacidade económica de suportar a totalidade da renda devida no âmbito de um contrato de arrendamento ou de um empréstimo bancário à habitação. Constitui uma medida transitória incluída no Plano Municipal de Emergência Social de apoio às famílias em Lisboa.

Lisboa - 2ª Edição Subsídio Municipal Arrendamento
Subsídio Municipal ao Arrendamento no site da Câmara Municipal de Lisboa

Fundo de Emergência Social de Lisboa - Agregados Familiares

Tendo em conta o quadro de crise económica e social em Portugal, foi criado pelo Município de Lisboa um Fundo de Emergência Social de Lisboa, que visa o apoio a agregados familiares em situação de emergência habitacional grave, a quem a Câmara Municipal de Lisboa não consegue dar resposta em tempo útil através do acesso a uma habitação municipal condigna e para os quais as respostas já disponíveis no quadro da Rede Social são insuficientes.

O que é?

O Fundo de Emergência Social de Lisboa para os Agregados Familiares é um apoio financeiro excecional e temporário a agregados familiares carenciados em situação de emergência habitacional grave, que residam no concelho de Lisboa.

A quem se destina?

Têm direito a pedir o apoio excecional, os munícipes que se encontrem em situação de emergência habitacional grave e que reúnam as seguintes condições, cumulativamente:

  • Careçam de habitação na sequência de perda de alojamento por derrocada, catástrofe, ação de despejo executada por decisão judicial, execução de hipoteca decorrente de decisão judicial, violência doméstica e cessação de permanência em estabelecimento coletivo ou estejam em risco elevado e confirmado de perda iminente da habitação, por impossibilidade de pagamento de renda ou prestação da casa na sequência de desemprego e ausência do respetivo subsídio, ou diminuição súbita de rendimentos provenientes de prestações sociais;
  • Não possuam, nem qualquer outro membro do seu agregado familiar, habitação alternativa na área metropolitana de Lisboa e concelhos limítrofes;
  • Não sejam titular de uma habitação municipal, nem os próprios, nem o respetivo cônjuge ou pessoa com quem vivam em união de facto;
  • Não se encontrem a ocupar abusivamente um fogo municipal ou, em virtude dessa infração, tenham sido alvo de desocupação coerciva por parte da Policia Municipal;
  • Possuam um rendimento mensal per capita, igual ou inferior a 300€;
  • Não beneficiem, através de nenhum membro do seu agregado familiar, de outros apoios habitacionais ou prestações sociais permanentes ou extraordinários concedidos para os mesmos fins e pelos mesmos fundamentos, quer através da CML quer de outras entidades públicas ou privadas.

Que despesas são apoiadas?

São apoiadas as despesas de habitação, despesas associadas à habitação relacionadas com o bem-estar quotidiano e despesas de saúde, nomeadamente despesas referente ao pagamento:

  • Da renda de casa em habitação privada, da prestação da aquisição de habitação, da água, da eletricidade ou do gás;
  • Das despesas com telecomunicações na componente de serviço de voz;
  • Da aquisição de medicamentos, meios complementares de diagnóstico ou outras despesas de saúde.

Como posso pedir o apoio?

Para ter acesso ao Fundo de Emergência Social de Lisboa – Agregados Familiares, deverá ser preenchido formulário próprio, disponível na Junta de Freguesia da área da residência.

Para mais esclarecimentos sobre este apoio, poderá consultar as perguntas frequentes aqui ou consultar os Critérios de Atribuição do Fundo de Emergência Social - Vertente Agregados Familiares, que foram aprovados pela Deliberação n.º 27/AM/2012, da Assembleia Municipal de Lisboa, publicada no 1º Suplemento ao Boletim Municipal n.º 951, de 10 de Maio de 2012, tomada sobre a Proposta n.º 38/CM/2012 da Câmara Municipal, bem como, consultar as despesas elegíveis no quadro do FES – Famílias, que foram aprovadas sobre a Proposta n.º 849/2012.

Quais os contactos de referência?

Departamento de Desenvolvimento Social: 217988184 / 8668 ou e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.">

Beatriz Madeira Community Builder Avatar   24.11.2016 (12:39:25)
Sim Não

Para obter mais informações sobre os programas de apoio ao arrendamento e obter uma solução à medida das suas possibilidades será necessário contactar as entidades que têm programas de apoio ao arrendamento, como sejam as Juntas de Freguesia e Câmaras, Seg. Social, Programa Porta 65 Jovem, Portal da Habitação (em http://www.portaldahabitacao.pt/pt/portal/perguntas/index.html). No topo esquerdo deste artigo, na caixa verde, existem links para os programas.

 
 
  Beatriz Madeira      
 
jose carlos pereira Community Builder Avatar   03.11.2016 (22:40:57)
apoio a renda Sim Não

ola boa noite , gostaria de saber se tenho apoio a renda se alugar uma casa , tenho uma reforma de 500 euros e sou deficiente com 68% motor

 
 
       
 
Beatriz Madeira Community Builder Avatar   24.11.2016 (12:42:45)
Sim Não

Será de contactar a Seg. Social para solicitar uma resposta, uma vez que apenas este organismo tem capacidade para responder à sua questão.

 
 
  Beatriz Madeira      
 
Maximiana Cabral Community Builder Avatar   26.10.2016 (14:29:26)
Ajuda de casa para arrendar Sim Não

Gostaria que me ajudassem arranjar uma casa para alugar, tenho 32 anos vivo em casa da minha mãe com o meu namorado e os meus irmãos.

 
 
       
 
Tatiana Community Builder Avatar   25.10.2016 (19:07:03)
Sim Não

Boa noite, como faço para ter ajuda na renda da casa? Sou mãe solteira , o pai da uma pensão 100€ que não chega para nada, trabalho mas o dinheiro quase não dá para tudo, tenho infantário do meu filho, tenho renda da casa água luz , garrafa de gaz tudo, calçados roupas e ainda fraldas do meu filho e toalhitas :( !
E renda de 250€ :(
Queria saber como faço para me ajudarem sou uma mãe jovem ..

 
 
       
 
susana patricia sousa ferreira Community Builder Avatar   24.10.2016 (18:54:00)
boa tarde Sim Não

SUSANA **** FERREIRA venho pedir ajuda para pagar renda a agua e luz ********* s***@***.com

 
 
       
 
Liliana Community Builder Avatar   13.10.2016 (22:22:42)
Boa noite. TenHo 21 anos e dois filhos um com 2 anos e uma com 2 semanas estou desempregada e meu marido tambem como faco para ter apoio para a renda e alimentacao Sim Não

Boa noite tenho dois filhos de 2 anos e de 2 semanas estou desempregada e meu marido tambem. Ha algum apoio para renda de casa e alimentacao?

 
 
       
 
rui carvalho Community Builder Avatar   10.10.2016 (20:20:11)
Urgencia\\Carencia|abitação Sim Não

Boas, vivo em casa dos meus sogros mais a minha namorada e a minha filha de 5 meses, queria saber o que devo fazer ou proceder, pois ambos estamos desempregados, eu estou a tirar um curso no iefp de um ano a qual só recebo 140€ e a mais nos só temos o abono da menina, não conseguimos arranjar casa na zona, pois preciso estar perto de Coimbra. os meus sogros têm a casa penhorada pelo banco, e prestes a despejo ou seja la a soloção deles a qual não me interessa, o meu sogro não quer fazer nada, e cria mau ambiente aqui em casa, eu ajudo com a agua com o pouco que recebo, dormi-mos num quarto sem condições a qual as paredes eram brancas e estão roxas da humidade, queria arranjar um lugar para nos, e para melhorar as condições da minha filha apesar de não lhe faltar nada, pois mato me para que nunca lhe falte. o ambiente aqui em casa não esta muito favorável, peço ajuda pois já não sei a quem proceder pois aqui as seguranças sociais não ajudam em nada. sou de Coimbra/Soure/granja do ulmeiro. e pouco tempo tenho durante a semana

 
 
       
 
rui miguel da silva carvalho Community Builder Avatar   10.10.2016 (20:16:35)
Urgencia/carencia/abitação Sim Não

Boas, vivo em casa dos meus sogros mais a minha namorada e a minha filha de 5 meses, queria saber o que devo fazer ou proceder, pois ambos estamos desempregados, eu estou a tirar um curso no iefp de um ano a qual só recebo 140€ e a mais nos só temos o abono da menina, não conseguimos arranjar casa na zona, pois preciso estar perto de Coimbra. os meus sogros têm a casa penhorada pelo banco, e prestes a despejo ou seja la a soloção deles a qual não me interessa, o meu sogro não quer fazer nada, e cria mau ambiente aqui em casa, eu ajudo com a agua com o pouco que recebo, dormi-mos num quarto sem condições a qual as paredes eram brancas e estão roxas da humidade, queria arranjar um lugar para nos, e para melhorar as condições da minha filha apesar de não lhe faltar nada, pois mato me para que nunca lhe falte. o ambiente aqui em casa não esta muito favorável, peço ajuda pois já não sei a quem proceder pois aqui as seguranças sociais não ajudam em nada. sou de Coimbra/Soure/granja do ulmeiro. e pouco tempo tenho durante a semana

 
 
       
 
Rui Miguel da Silva Carvalho Community Builder Avatar   10.10.2016 (20:09:49)
Ajuda urgente carencia e urgencia em abitação Sim Não

Boas, vivo em casa dos meus sogros mais a minha namorada e a minha filha de 5 meses, queria saber o que devo fazer ou proceder, pois ambos estamos desempregados, eu estou a tirar um curso no iefp de um ano a qual só recebo 140€ e a mais nos só temos o abono da menina, não conseguimos arranjar casa na zona, pois preciso estar perto de Coimbra. os meus sogros têm a casa penhorada pelo banco, e prestes a despejo ou seja la a soloção deles a qual não me interessa, o meu sogro não quer fazer nada, e cria mau ambiente aqui em casa, eu ajudo com a agua com o pouco que recebo, dormi-mos num quarto sem condições a qual as paredes eram brancas e estão roxas da humidade, queria arranjar um lugar para nos, e para melhorar as condições da minha filha apesar de não lhe faltar nada, pois mato me para que nunca lhe falte. o ambiente aqui em casa não esta muito favorável, peço ajuda pois já não sei a quem proceder pois aqui as seguranças sociais não ajudam em nada. sou de Coimbra/Soure/granja do ulmeiro. e pouco tempo tenho durante a semana

 
 
       
 
GRACA MONTEIRO Community Builder Avatar   03.10.2016 (16:03:43)
apoio ao arendamento Sim Não

Citar :

Terá de procurar a solução mais adequada, entre Junta de Freguesia, Câmara Municipal e programas governamentais. Veja as informações nas outras páginas deste artigo, cujos links estão na caixa verde no topo, à esquerda:
- Habitação social
- Programa Porta 65 Jovem
- Subsídio de Renda de Casa da Segurança Social
- Mercado Social de Arrendamento
- Lisboa - Subsídio Municipal Arrendamento
- Porto Solidário - Fundo Municipal de Emergência Social
 
 
       
 
fathya Community Builder Avatar   30.09.2016 (20:46:23)
casa alugar Sim Não

sou uma pessoa doentes , nao tenho casa e recebeste mto pouch do meu subsidio de doenca.por favor ajude a ter uma casa condigna.

 
 
       
 
Cátia Virgínia Ribeiro Da Costa Community Builder Avatar   26.09.2016 (16:24:29)
pedido de apoio á renda Sim Não

boa tarde o meu nome é Catia Virgínia ribeiro da costa venho por este meio fazer um pedido ao apoio á renda pois encontro me neste momento desempregada e não tenho possibilidades de pagar uma renda .tenho aos meus cuidados uma criança(meu filho) ao qual depende só do meu dinheiro ! quase todas as despesas que tenho com ele é com o dinheiro que supostamente deveria receber de IRS que ate á data ainda nada recebo.pedi ajudas e não obtive respostas !neste momento é me muito difícil arcar com as despesas todas peço então a vossa ajuda
cumprimentos Cátia costa

 
 
       
 
Andreia Raquel Goncalves da Paixao Community Builder Avatar   15.08.2016 (02:05:54)
Desalujada Sim Não

Á 12 anos venho a viver em casas alugadas casas de amigos familiares, tenho duas filhas e neste momento onde me encontro vem a ser um tedio um problema tanto para mim como para as minhas filhas, nao tenho casa propria lar para dar as minhas filhas um quarto para elas eatabilidade etc. Gostaria muito que me podessem ajudar, tenho meu emprego e o que me resta na vida é mesmo um tecto pras minhas filhas e eu.

 
 
       
 
Beatriz Madeira Community Builder Avatar   26.08.2016 (13:52:24)
Sim Não

Terá de procurar a solução mais adequada, entre Junta de Freguesia, Câmara Municipal e programas governamentais. Veja as informações nas outras páginas deste artigo, cujos links estão na caixa verde no topo, à esquerda:
- Habitação social
- Programa Porta 65 Jovem
- Subsídio de Renda de Casa da Segurança Social
- Mercado Social de Arrendamento
- Lisboa - Subsídio Municipal Arrendamento
- Porto Solidário - Fundo Municipal de Emergência Social

 
 
  Beatriz Madeira      
 
 

Smileys

:confused: :cool: :cry: :laugh: :lol: :normal: :blush: :rolleyes: :sad: :shocked: :sick: :sleeping: :smile: :surprised: :tongue: :unsure: :whistle: :wink: 

Para garantir uma resposta às suas perguntas, utilize preferencialmente o nosso fórum.
Faça login para ver mais rapidamente que o seu comentário foi publicado.
Para sua segurança, não permitimos a inclusão de dados de contacto pessoais nos comentários como endereços de correio eletrónico ou números de telefone. Para contactar outros utilizadores do site, registe-se e estabeleça uma ligação para poderem trocar mensagens.

  4000 caracteres disponíveis

Antispam Actualizar imagem Não é sensível a maiúsculas