Apoios sociais ao arrendamento

Votos de utilizador:  / 167
FracoBom 

Mercado Social de Arrendamento

O Mercado Social de Arrendamento, inserido no Programa de Emergência Social, dirige-se a classes sociais que, apresentando rendimentos superiores aos que permitem a atribuição de uma habitação social, não apresentam, contudo, capacidade financeira para arrendarem um imóvel em mercado livre.

Assim, visa possibilitar o arrendamento de habitação por famílias de rendimentos médios que não reúnam ou manifestem dificuldades no acesso ao mercado livre, sendo que as rendas da habitação disponível nesta iniciativa apresentam valores até 30% inferiores aos praticados em mercado livre.

No site www.mercadosocialarrendamento.msss.pt pode encontrar-se o regulamento do programa, um motor de pesquisa dos imóveis disponíveis, a indicação das respetivas rendas, as instruções de candidatura e o simulador (que é a via pela qual se procede à apresentação de candidatura), bem como uma área de resposta às "perguntas frequentes" sobre a candidatura.

Os interessados devem selecionar um imóvel de interesse e verificar a viabilidade da apresentação de uma candidatura ao respetivo arrendamento, para apenas depois submeterem a candidatura.

Famílias que não têm direito a Habitação Social ou a receber o subsídio de renda da Segurança Social, e que já não são consideradas "jovens", podem beneficiar do Mercado Social de Arrendamento que se acredita poder vir a incluir as famílias que não conseguem efetuar/manter o pagamento das prestações bancárias do crédito à habitação.

O Mercado Social de Arrendamento é uma iniciativa que envolve instituições financeiras (Banco Espírito Santo, Banif, Banco Popular, Santander, Totta, Montepio Geral, Millennium BCP e Caixa Geral de Depósitos ) e o Estado por via do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU), do Instituto de Gestão Financeira da Segurança Social (IGFSS) e das Câmaras Municipais.

Pode concorrer a pessoa ou agregado familiar que tenha uma capacidade económico-financeira mínima para suportar o pagamento da renda da habitação, não podendo ter rendimentos que impliquem uma taxa de esforço abaixo do mínimo convencionado de 10% do rendimento disponível.

Esta pessoa ou agregado familiar não pode ser proprietário, arrendatário ou titular de direito de uso/habitação de outro prédio ou fracção para fins habitacionais nas áreas metropolitanas de Lisboa e Porto, nos próprios concelhos ou nos concelhos limítrofes ao concelho em que se localiza a habitação a arrendar. Excepção para os casos em que o arrendamento a que se candidata se destine a substituir o arrendamento anterior que cessou ou irá cessar.

Nos casos em que exista mais do que uma candidatura elegível a uma determinada habitação, têm prioridade os agregados familiares que sejam compostos, ou que tenham a seu cargo, pessoas deficientes, idosos ou filhos dependentes, sendo que a ordem de receção das candidaturas também é considerada.
21. Após celebração do contrato de arrendamento com quem falo, com a câmara municipal?

Fonte: http://economiafinancas.com/

Maria joao Community Builder Avatar   10.11.2016 (19:22:45)
Arrendamento Sim Não

Boa noite
fui desalojada e agora estou sem casa para dormir com 2 filhos preciso de uma ajuda urgente para que possa alugar uma casa para meter os meus 2 filhos a dormir....não tenho possibilidades de suportar um valor muito alto e venho aqui para pedir ajuda,

Espero respostas

Obrigado

 
 
       
 
Beatriz Madeira Community Builder Avatar   24.11.2016 (12:39:25)
Sim Não

Para obter mais informações sobre os programas de apoio ao arrendamento e obter uma solução à medida das suas possibilidades será necessário contactar as entidades que têm programas de apoio ao arrendamento, como sejam as Juntas de Freguesia e Câmaras, Seg. Social, Programa Porta 65 Jovem, Portal da Habitação (em http://www.portaldahabitacao.pt/pt/portal/perguntas/index.html). No topo esquerdo deste artigo, na caixa verde, existem links para os programas.

 
 
  Beatriz Madeira      
 
jose carlos pereira Community Builder Avatar   03.11.2016 (22:40:57)
apoio a renda Sim Não

ola boa noite , gostaria de saber se tenho apoio a renda se alugar uma casa , tenho uma reforma de 500 euros e sou deficiente com 68% motor

 
 
       
 
Beatriz Madeira Community Builder Avatar   24.11.2016 (12:42:45)
Sim Não

Será de contactar a Seg. Social para solicitar uma resposta, uma vez que apenas este organismo tem capacidade para responder à sua questão.

 
 
  Beatriz Madeira      
 
Maximiana Cabral Community Builder Avatar   26.10.2016 (14:29:26)
Ajuda de casa para arrendar Sim Não

Gostaria que me ajudassem arranjar uma casa para alugar, tenho 32 anos vivo em casa da minha mãe com o meu namorado e os meus irmãos.

 
 
       
 
Tatiana Community Builder Avatar   25.10.2016 (19:07:03)
Sim Não

Boa noite, como faço para ter ajuda na renda da casa? Sou mãe solteira , o pai da uma pensão 100€ que não chega para nada, trabalho mas o dinheiro quase não dá para tudo, tenho infantário do meu filho, tenho renda da casa água luz , garrafa de gaz tudo, calçados roupas e ainda fraldas do meu filho e toalhitas :( !
E renda de 250€ :(
Queria saber como faço para me ajudarem sou uma mãe jovem ..

 
 
       
 
susana patricia sousa ferreira Community Builder Avatar   24.10.2016 (18:54:00)
boa tarde Sim Não

SUSANA **** FERREIRA venho pedir ajuda para pagar renda a agua e luz ********* s***@***.com

 
 
       
 
Liliana Community Builder Avatar   13.10.2016 (22:22:42)
Boa noite. TenHo 21 anos e dois filhos um com 2 anos e uma com 2 semanas estou desempregada e meu marido tambem como faco para ter apoio para a renda e alimentacao Sim Não

Boa noite tenho dois filhos de 2 anos e de 2 semanas estou desempregada e meu marido tambem. Ha algum apoio para renda de casa e alimentacao?

 
 
       
 
rui carvalho Community Builder Avatar   10.10.2016 (20:20:11)
Urgencia\\Carencia|abitação Sim Não

Boas, vivo em casa dos meus sogros mais a minha namorada e a minha filha de 5 meses, queria saber o que devo fazer ou proceder, pois ambos estamos desempregados, eu estou a tirar um curso no iefp de um ano a qual só recebo 140€ e a mais nos só temos o abono da menina, não conseguimos arranjar casa na zona, pois preciso estar perto de Coimbra. os meus sogros têm a casa penhorada pelo banco, e prestes a despejo ou seja la a soloção deles a qual não me interessa, o meu sogro não quer fazer nada, e cria mau ambiente aqui em casa, eu ajudo com a agua com o pouco que recebo, dormi-mos num quarto sem condições a qual as paredes eram brancas e estão roxas da humidade, queria arranjar um lugar para nos, e para melhorar as condições da minha filha apesar de não lhe faltar nada, pois mato me para que nunca lhe falte. o ambiente aqui em casa não esta muito favorável, peço ajuda pois já não sei a quem proceder pois aqui as seguranças sociais não ajudam em nada. sou de Coimbra/Soure/granja do ulmeiro. e pouco tempo tenho durante a semana

 
 
       
 
rui miguel da silva carvalho Community Builder Avatar   10.10.2016 (20:16:35)
Urgencia/carencia/abitação Sim Não

Boas, vivo em casa dos meus sogros mais a minha namorada e a minha filha de 5 meses, queria saber o que devo fazer ou proceder, pois ambos estamos desempregados, eu estou a tirar um curso no iefp de um ano a qual só recebo 140€ e a mais nos só temos o abono da menina, não conseguimos arranjar casa na zona, pois preciso estar perto de Coimbra. os meus sogros têm a casa penhorada pelo banco, e prestes a despejo ou seja la a soloção deles a qual não me interessa, o meu sogro não quer fazer nada, e cria mau ambiente aqui em casa, eu ajudo com a agua com o pouco que recebo, dormi-mos num quarto sem condições a qual as paredes eram brancas e estão roxas da humidade, queria arranjar um lugar para nos, e para melhorar as condições da minha filha apesar de não lhe faltar nada, pois mato me para que nunca lhe falte. o ambiente aqui em casa não esta muito favorável, peço ajuda pois já não sei a quem proceder pois aqui as seguranças sociais não ajudam em nada. sou de Coimbra/Soure/granja do ulmeiro. e pouco tempo tenho durante a semana

 
 
       
 
Rui Miguel da Silva Carvalho Community Builder Avatar   10.10.2016 (20:09:49)
Ajuda urgente carencia e urgencia em abitação Sim Não

Boas, vivo em casa dos meus sogros mais a minha namorada e a minha filha de 5 meses, queria saber o que devo fazer ou proceder, pois ambos estamos desempregados, eu estou a tirar um curso no iefp de um ano a qual só recebo 140€ e a mais nos só temos o abono da menina, não conseguimos arranjar casa na zona, pois preciso estar perto de Coimbra. os meus sogros têm a casa penhorada pelo banco, e prestes a despejo ou seja la a soloção deles a qual não me interessa, o meu sogro não quer fazer nada, e cria mau ambiente aqui em casa, eu ajudo com a agua com o pouco que recebo, dormi-mos num quarto sem condições a qual as paredes eram brancas e estão roxas da humidade, queria arranjar um lugar para nos, e para melhorar as condições da minha filha apesar de não lhe faltar nada, pois mato me para que nunca lhe falte. o ambiente aqui em casa não esta muito favorável, peço ajuda pois já não sei a quem proceder pois aqui as seguranças sociais não ajudam em nada. sou de Coimbra/Soure/granja do ulmeiro. e pouco tempo tenho durante a semana

 
 
       
 
GRACA MONTEIRO Community Builder Avatar   03.10.2016 (16:03:43)
apoio ao arendamento Sim Não

Citar :

Terá de procurar a solução mais adequada, entre Junta de Freguesia, Câmara Municipal e programas governamentais. Veja as informações nas outras páginas deste artigo, cujos links estão na caixa verde no topo, à esquerda:
- Habitação social
- Programa Porta 65 Jovem
- Subsídio de Renda de Casa da Segurança Social
- Mercado Social de Arrendamento
- Lisboa - Subsídio Municipal Arrendamento
- Porto Solidário - Fundo Municipal de Emergência Social
 
 
       
 
fathya Community Builder Avatar   30.09.2016 (20:46:23)
casa alugar Sim Não

sou uma pessoa doentes , nao tenho casa e recebeste mto pouch do meu subsidio de doenca.por favor ajude a ter uma casa condigna.

 
 
       
 
Cátia Virgínia Ribeiro Da Costa Community Builder Avatar   26.09.2016 (16:24:29)
pedido de apoio á renda Sim Não

boa tarde o meu nome é Catia Virgínia ribeiro da costa venho por este meio fazer um pedido ao apoio á renda pois encontro me neste momento desempregada e não tenho possibilidades de pagar uma renda .tenho aos meus cuidados uma criança(meu filho) ao qual depende só do meu dinheiro ! quase todas as despesas que tenho com ele é com o dinheiro que supostamente deveria receber de IRS que ate á data ainda nada recebo.pedi ajudas e não obtive respostas !neste momento é me muito difícil arcar com as despesas todas peço então a vossa ajuda
cumprimentos Cátia costa

 
 
       
 
Andreia Raquel Goncalves da Paixao Community Builder Avatar   15.08.2016 (02:05:54)
Desalujada Sim Não

Á 12 anos venho a viver em casas alugadas casas de amigos familiares, tenho duas filhas e neste momento onde me encontro vem a ser um tedio um problema tanto para mim como para as minhas filhas, nao tenho casa propria lar para dar as minhas filhas um quarto para elas eatabilidade etc. Gostaria muito que me podessem ajudar, tenho meu emprego e o que me resta na vida é mesmo um tecto pras minhas filhas e eu.

 
 
       
 
 

Smileys

:confused: :cool: :cry: :laugh: :lol: :normal: :blush: :rolleyes: :sad: :shocked: :sick: :sleeping: :smile: :surprised: :tongue: :unsure: :whistle: :wink: 

Para garantir uma resposta às suas perguntas, utilize preferencialmente o nosso fórum.
Faça login para ver mais rapidamente que o seu comentário foi publicado.
Para sua segurança, não permitimos a inclusão de dados de contacto pessoais nos comentários como endereços de correio eletrónico ou números de telefone. Para contactar outros utilizadores do site, registe-se e estabeleça uma ligação para poderem trocar mensagens.

  4000 caracteres disponíveis

Antispam Actualizar imagem Não é sensível a maiúsculas