Barómetro ECO.AP 2011 lançado a 1 de Junho

Votos de utilizador:  / 4
FracoBom 

A 1 de Junho arranca a fase de recolha de dados dos consumos de energia e emissões de carbono para o Barómetro de Eficiência Energética e Baixo Carbono na Administração Pública 2011.

Eco AP O Programa ECO.AP, lançado através da Resolução do Conselho de Ministros n.º2/2011, visa a obtenção de um nível de eficiência energética na ordem dos 30% até 2020 nos organismos e serviços da Administração Pública, sem aumento da despesa pública, permitindo, simultaneamente, o estímulo da economia no sector das empresas de serviços energéticos.

Para alcançar os objetivos propostos pelo ECO.AP, é lançado no dia 1 de Junho, a primeira edição do Barómetro de Eficiência Energética e Baixo Carbono, relativa a 2011, destinado a avaliar e divulgar o desempenho energético e de carbono da Administração Pública.

Pretende-se que, através de um mecanismo de avaliação e ranking de entidades, o Barómetro ECO.AP:
• Incentive a eficiência energética na Administração Pública e, consequentemente, contribua para a redução de custos;
• Veicule o Estado como referência na gestão dos consumos de energia e disseminador de boas práticas de eficiência energética e de baixo carbono;
• Proporcione aos Ministérios a identificação das entidades que representam 20% do seu consumo total, assim como a definição de metas para planos de ação de eficiência energética e baixo carbono;
• Contribua para a redução das emissões de carbono.

São abrangidos pelo Barómetro ECO.AP todos serviços e organismos da administração directa e indirecta do Estado, bem como empresas públicas, universidades, entidades públicas empresariais, fundações públicas, associações públicas e associações privadas com capital social maioritariamente público, mediante o registo prévio do Gestor Local de Energia e Carbono (GLEC) junto da ADENE – Agência de Energia.

O Portal do Programa ECO.AP (ecoap.adene.pt), para além de outras funcionalidades e informação disponível, servirá de plataforma de interacção com os GLEC para recolha de informação sobre os consumos anuais de energia e emissões de carbono das respetivas entidades, permitindo, simultaneamente, a divulgação pública de informação sobre a temática.

Fonte: ADENE


Smileys

:confused: :cool: :cry: :laugh: :lol: :normal: :blush: :rolleyes: :sad: :shocked: :sick: :sleeping: :smile: :surprised: :tongue: :unsure: :whistle: :wink: 

Para garantir uma resposta às suas perguntas, utilize preferencialmente o nosso fórum.
Faça login para ver mais rapidamente que o seu comentário foi publicado.
Para sua segurança, não permitimos a inclusão de dados de contacto pessoais nos comentários como endereços de correio eletrónico ou números de telefone. Para contactar outros utilizadores do site, registe-se e estabeleça uma ligação para poderem trocar mensagens.

  4000 caracteres disponíveis

Antispam Actualizar imagem Não é sensível a maiúsculas