Falecimento de António Borges

Ligado 24-08-2017
Categorias: Datas Comemorativas
Hits: 225

António Borges morreu a 25 de agosto de 2013 em Lisboa vítima de cancro.

Depois de se licenciar em Economia e Finanças, em 1972, no antigo Instituto Superior de Ciências Económicas e Financeiras da Universidade Técnica de Lisboa, ano em que casou em Paredes, Bitarães, a 26 de Agosto, com Isabel Maria Ferreira da Silva de Araújo Sobreira (Lisboa, Campo Grande, 21 de Abril de 1955), filha do Eng.º João da Cunha de Araújo Sobreira e de sua mulher Maria Alzira Carneiro de Vasconcelos Ferreira da Silva, da qual tem três filhos e uma filha. Estabeleceu-se nos Estados Unidos, em 1976 e aí obteve os graus de Mestre e Doutor em Economia, o último dos quais em 1980, na Universidade de Stanford. No mesmo ano iniciou funções docentes no INSEAD, em França.

Assumiu a função de Vice-Governador do Banco de Portugal e leccionou na Faculdade de Economia da Universidade Nova de Lisboa, de 1990 a 1993. Nesse ano regressou ao INSEAD, tornando-se seu director e reitor, até 2000. Entre 2000 e 2008 foi Vice-Presidente do Conselho de Administração do Banco Goldman Sachs International, em Londres. Do seu currículo de administrador de empresas consta ainda a passagem pela Administração do Citibank, BNP Paribas, Petrogal, Sonae, Jerónimo Martins, Cimpor e Vista Alegre.

Foi consultor do Departamento do Tesouro dos Estados Unidos, do U.S. Electric Power Research Institute, da OCDE e colaborou com a União Europeia na criação da União Económica e Monetária. Em 2010 foi nomeado director do Departamento Europeu do Fundo Monetário Internacional. Foi ainda professor catedrático convidado da Faculdade de Ciências Económicas e Empresariais da Universidade Católica Portuguesa, Presidente do Instituto Europeu de Corporate Governance e administrador da Fundação Champalimaud. Borges é militante do Partido Social Democrata, onde foi vice-presidente da Comissão Política Nacional, entre 2008 e 2010.

Foi encarregado pelo primeiro-ministro Pedro Passos Coelho para liderar uma equipa que acompanhará, junto da Troika, os processos de privatizações, as renegociações das parcerias público-privadas, a reestruturação do sector empresarial do Estado e a situação da banca, anteriormente da competência do Ministro da Economia, Álvaro Santos Pereira.

A Presidência da República publicou no Facebook uma mensagem de condolências pela morte de António Borges. Mas, rapidamente, nasceu um movimento contestatário em resposta à publicação, com a maior parte das pessoas a expressar a sua indignação pelo facto de os bombeiros mortos em serviço, no combate às chamas que consomiam o País, não terem tido o mesmo tratamento. “As minhas sinceras condolências aos familiares dos bombeiros falecidos”, é a frase de ordem em reacção ao pesar manifestado pela Presidência da República a propósito do falecimento de António Borges.

Posições pessoais

Em 2011, Borges ganhou 225 mil euros livres de impostos.Defende que reduzir salários "é uma urgência".

Em 2012, aquando da apresentação da parte do Governo duma proposta de redução da Taxa Social Única para as empresas, a qual foi rejeitada pela maioria dos empresários, António Borges acusou-os de serem "completamente ignora o que lhe valeu críticas dos mesmos.

Ligações Externas

 "FMI livrou-se de António Borges porque não estava à altura do trabalho" pdfPDF



Smileys

:confused: :cool: :cry: :laugh: :lol: :normal: :blush: :rolleyes: :sad: :shocked: :sick: :sleeping: :smile: :surprised: :tongue: :unsure: :whistle: :wink: 

Para garantir uma resposta às suas perguntas, utilize preferencialmente o nosso fórum.
Faça login para ver mais rapidamente que o seu comentário foi publicado.
Para sua segurança, não permitimos a inclusão de dados de contacto pessoais nos comentários como endereços de correio eletrónico ou números de telefone. Para contactar outros utilizadores do site, registe-se e estabeleça uma ligação para poderem trocar mensagens.

  4000 caracteres disponíveis

Antispam Actualizar imagem Não é sensível a maiúsculas

 

Destaques Agenda